Obtenha o conteúdo mais recente da Amazon a cada semana

A realidade aumentada no comércio eletrônico não é apenas um avanço tecnológico; é uma porta de entrada para um novo universo de compras.

Com esta tecnologia, os compradores podem entrar num mundo onde as fronteiras entre os domínios físico e digital se confundem, criando uma experiência única que não envolve apenas navegação, mas também imersão.

É como ter um provador virtual ou um showroom ao seu alcance, onde a magia da AR encontra a conveniência do comércio eletrônico.

 

O que é realidade aumentada no comércio eletrônico?

 

Em seu núcleo, realidade aumentada no comércio eletrônico é uma tecnologia digital que sobrepõe imagens geradas por computador ao mundo real, criando uma visão composta que aumenta a realidade que vemos.

Se você acha que a realidade aumentada é uma tecnologia muito avançada, pense novamente. A pesquisa revela que os consumidores estão mais preparados para a RA do que jamais imaginamos. 

Dados citados por Retail Perceptions diz um significativo 71% dos consumidores estão mais inclinados a comprar em varejistas que oferecem recursos de realidade aumentada. Outros 61% dos compradores preferem lojas equipadas com AR em vez de lojas sem AR.

O Impacto da Realidade Aumentada no Varejo (Fonte – Percepções do Varejo)
O Impacto da Realidade Aumentada no Varejo (Fonte – Percepções do Varejo)

Além disso, há uma tendência notável em que 40% dos compradores expressam disposição de gastar mais em produtos se puderem visualizá-los por meio da tecnologia AR.

Marketing Charts cita dados de 2021 revelando que 43% dos consumidores de cinco mercados internacionais manifestaram interesse em utilizar a realidade aumentada e virtual para experimentar as roupas que possam adquirir antes de comprá-las.

Além disso, 36% mostraram vontade de experimentar AR/VR para pré-visualizar produtos tecnológicos ou eletrodomésticos. Cerca de 29% demonstraram interesse em testar móveis e 20% em experimentar videogames por meio dessas tecnologias.

Interesse do consumidor em tecnologia AR/VR (fonte - gráficos de marketing)
Interesse do consumidor em tecnologia AR/VR (fonte – gráficos de marketing)

Escusado será dizer que AR para comércio eletrônico cativa os clientes com experiências interativas, ao mesmo tempo que os capacita a tomar decisões de compra informadas, aproximando os produtos da realidade.

 

Benefícios da realidade aumentada no comércio eletrônico

 

Aqui estão os benefícios da realidade aumentada e realidade virtual no comércio eletrônico, não apenas para empresários, mas também para clientes:

  • AR cria experiências de compra interativas e envolventes que cativam os clientes. Ao envolver os clientes de uma forma inovadora, a AR aumenta o tempo que passam interagindo com os produtos, o que pode levar a taxas de conversão mais altas.
  • A realidade aumentada permite que os clientes visualizem os produtos em um contexto realista, ajudando-os entender o tamanho, escala e detalhes de itens melhor. Isso leva a decisões de compra mais informadas.
  • À medida que os clientes têm uma noção melhor do que compram através da RA, a probabilidade de devoluções de produtos devido a expectativas não atendidas (como questões de tamanho ou ajuste) é significativamente reduzido.
  • Ao fornecer uma experiência de compra envolvente e interativa, a realidade aumentada pode impulsionar as vendas. É mais provável que os clientes comprem quando conseguem visualizar os produtos em seu próprio ambiente e personalizá-los de acordo com suas preferências.
  • Implementar AR pode diferenciar um varejista dos concorrentes. Ele demonstra o compromisso de aproveitar tecnologia de ponta para melhorar a experiência do cliente, melhorando assim a percepção da marca.
  • AR permite experiências de compras personalizadas, como experimentações virtuais ou personalizações de produtos, que atendem às preferências individuais do cliente e aumentam a satisfação do cliente.

 

AR em comércio eletrônico | Tendências atuais 

 

Qual é a tendência em realidade aumentada? Esta questão capta a essência da evolução dinâmica que se desenrola atualmente no cenário do comércio eletrônico. Vamos nos aprofundar nas tendências atuais que estão moldando AR no comércio eletrônico.

 

Experimentações e acessórios virtuais

 

Uma das tendências mais populares é o uso de AR para testes virtuais. A realidade aumentada permite que os clientes veja como os produtos ficam neles, adicionando um novo nível de personalização e confiança para compras on-line.

Um exemplo disso é Artista virtual da Sephora, uma ferramenta de AR que oferece uma experiência de AR altamente interativa e personalizada aos seus clientes.

Por meio de tecnologia avançada de reconhecimento facial, o aplicativo de compras AR permite aos usuários experimente virtualmente uma ampla gama de produtos de maquiagem, incluindo batons, sombras e bases. 

Aplicativo Sephora Virtual Artist (fonte - VR Scout)
Aplicativo Sephora Virtual Artist (fonte – VR Scout)

Os clientes podem ver instantaneamente como diferentes tons e estilos ficam em seus próprios rostos apenas usando a câmera do smartphone.

 

Visualização de produto 3D

 

As plataformas de comércio eletrônico estão adotando cada vez mais a AR para oferecer visualizações de produtos em 3D. Esta tendência permite que as marcas exibir produtos em uma visão de 360 ​​graus, proporcionando uma compreensão mais profunda do que eles estão comprando.

Um exemplo desta aplicação é Aplicativo visualizador da BMW, que funciona como um showroom virtual. Permite aos utilizadores explorar vários modelos BMW de uma forma altamente detalhada e interativa, diretamente a partir dos seus smartphones ou tablets.

Os clientes podem não apenas visualizar diferentes modelos de carros, mas também personalizá-los de acordo com suas preferências. Isso inclui a alteração de cores, aros e outros recursos. O aplicativo então exibe o carro personalizado em AR, permitindo que os usuários vejam seu veículo personalizado como ele apareceria na vida real.

 

Experiências de AR na loja

 

As lojas físicas também estão adotando a AR para preencher a lacuna entre compras físicas e digitais. Dito isso, hoje em dia é comum ver experiências de AR nas lojas, que incluem provadores virtuais e exibições de informações de produtos habilitadas para AR.

Burberry's Pop-ups do Mundo de Olympia A campanha é um exemplo notável de como as marcas de moda de luxo estão adotando a AR para criar experiências únicas. 

Esta campanha contou com instalações físicas pop-up onde os visitantes podiam usar os seus smartphones para desbloquear conteúdo AR, dando vida ao espaço e à bolsa Olympia de uma forma única e envolvente.

 

Demonstrações interativas de produtos

 

AR está sendo usada para criar demonstrações interativas, permitindo que os clientes explore produtos de forma detalhada e envolvente. Isso inclui ver como os produtos funcionam, compreender seus recursos e até simular o uso do produto em cenários da vida real.

A IKEA tem estado na vanguarda da utilização da tecnologia para melhorar a experiência do cliente. Uma de suas inovações mais notáveis ​​é o Aplicativo IKEA Place, que emprega tecnologia AR para permitir que os clientes visualizem móveis em suas próprias casas.

Aplicativo IKEA Place (fonte - IKEA)
Aplicativo IKEA Place (Fonte - IKEA)

Os usuários podem escolher no extenso catálogo da IKEA e colocar virtualmente modelos de móveis 3D em tamanho real em seu espaço.

Esta ferramenta AR fornece visuais de produtos altamente precisos e realistas. Ele permite que os usuários vejam como uma peça de mobiliário se encaixa em seu ambiente. Eles também podem combiná-lo com a decoração existente e até mesmo passear por ele para ter uma noção de escala e design de diferentes ângulos.

 

Realidade Aumentada para o seu negócio

 

Os empreendimentos de comércio eletrônico podem implementar AR De várias maneiras. Embora os vendedores atualmente não tenham acesso aos recursos de AR dentro Vitrine da Amazon no Seller Central, existem outras maneiras de aproveitar a AR.

 

Experiências externas de AR

 

Crie experiências de AR em seu próprio site ou por meio de um aplicativo de AR de terceiros para construa sua marca. Você pode então direcionar os clientes para essas experiências por meio de descrições de produtos ou esforços de marketing externos. Este método exige garantir a conformidade com as políticas da Amazon em relação links externos e marketing.

 

QR Codes

 

Inclua códigos QR na embalagem do produto ou nas imagens da lista de produtos. Esses códigos podem direcionar os clientes para experiências de AR hospedadas externamente. Essa abordagem pode aumentar o envolvimento pós-compra e fornecer uma maneira inovadora de apresentar seus produtos.

 

Vídeos e imagens de produtos

 

Embora não seja AR, o uso de vídeos de alta qualidade e imagens em 360 graus pode fornecer uma experiência interativa semelhante. Isso pode ajudar os clientes a compreender melhor seu produto.

 

Aproveitando AR para campanhas de marketing

 

Vá além Serviços de marketing da Amazon e crie campanhas atraentes usando manuais de instruções interativos, que orientam os usuários pelos recursos dos produtos de maneira envolvente. 

Você também pode vincular testes virtuais hospedados externamente e showrooms digitais, permitindo que os clientes experimentem os produtos em um ambiente realista. 

Além disso, criar e promover filtros de mídia social aprimorados com AR pode atrair um público mais amplo, oferecendo uma experiência de marca interativa.

 

Comentários e Comentários

 

Incentive os clientes que usaram seus recursos de AR (por meios externos) a mencionar suas experiências em suas avaliações de compras. Isso pode intrigar os compradores em potencial para que eles mesmos testem a experiência de AR.

 

Colaborações com plataformas AR

 

Faça parceria com fornecedores de tecnologia AR para criar experiências imersivas para seus produtos. Embora possam não estar diretamente integrados às suas listagens, eles podem fazer parte de sua estratégia de marketing mais ampla.

 

O futuro da realidade aumentada no comércio eletrônico

 

O futuro de realidade aumentada no comércio eletrônico parece incrivelmente promissor, com infinitas possibilidades de maior inovação e integração. E nos próximos anos, podemos antecipar que a AR se tornará mais profundamente entrelaçado na estrutura das compras online

Tanto para as empresas como para os consumidores, a viagem para este novo mundo é emocionante. A AR está repleta de possibilidades para explorar, envolver e conectar-se em um mercado digital mais interativo do que nunca.

 

Autor

Carla Bauto DeñaCarla Bauto Deña é jornalista e redatora de conteúdo produzindo matérias para mídia tradicional e digital. Ela acredita em capacitar pequenas empresas com a ajuda de soluções inovadoras, como comércio eletrônico, marketing digital e análise de dados.

Compartilhe a postagem:

Quer lançar, crescer ou lucrar na Amazon?

Fale com um membro da nossa equipe hoje para ver como podemos ajudá-lo!

Mais postagens

Aprenda o que você precisa para se tornar um vendedor Top 1%