Obtenha o conteúdo mais recente da Amazon a cada semana

Não, não estamos vivendo um filme de ficção científica – a realidade virtual está em toda parte. A VR está se tornando uma parte comum de diferentes setores e, como o varejo está sempre evoluindo, a VR está se tornando uma tecnologia comum usada por muitos vendedores. 

VR no setor de varejo valerá US$ 17.86 bilhões até 2028, portanto, as empresas de comércio eletrônico devem acompanhar os tempos e implementar essa tecnologia. No entanto, muitos vendedores podem ter dificuldades para implementar a RV. 

Algumas lojas podem não saber como usar a tecnologia, enquanto outras não têm certeza de como aplicá-la à sua marca exclusiva. Abaixo, discutimos tudo o que você precisa saber sobre realidade virtual no comércio eletrônico, incluindo por que você deve investir nele e como usá-lo.

 

Visão geral da realidade virtual no comércio eletrônico

 

Antes de definirmos a realidade virtual no comércio eletrônico, vamos abordar a própria VR. A realidade virtual é um ambiente digital imersivo. Embora os fones de ouvido VR sejam o exemplo mais comum, você pode criar um ambiente VR por meio de fotos e vídeos.

Fone de ouvido VR

Os varejistas podem usar a tecnologia VR imersiva para interagir digitalmente com sua loja. A RV é especialmente importante para os vendedores online, pois pode oferecer aos clientes a experiência na loja sem sair de casa.

A realidade virtual muitas vezes é confundida com realidade aumentada. AR usa essa tecnologia imersiva, mas em um ambiente do mundo real. AR e VR são frequentemente usados ​​de forma intercambiável; alguns exemplos são mais AR do que VR. Ainda é importante definir ambos e mencionar quais aplicações são VR versus AR.

 

Por que a realidade virtual é uma indústria em expansão

 

A realidade virtual não é mais uma tecnologia alucinante do seu livro ou filme de ficção científica favorito. Agora, a VR chegou ao mainstream. Há mais de 171 milhões de usuários de VR globalmente, e prevê-se que mais pessoas utilizem esta tecnologia.

A VR fez a transição para o mainstream por vários motivos. A tecnologia para usar VR é mais acessível aos consumidores. Isso também significa que a tecnologia VR está prontamente disponível para marcas, especificamente empresas de comércio eletrônico.

 

Vantagens da realidade virtual no comércio eletrônico

 

Há muitas vantagens em usar VR para sua empresa de comércio eletrônico. Veja por que a VR tornará sua loja online mais memorável.

  • Constrói o conhecimento da marca. A VR é um impulsionador eficaz do marketing e da publicidade, uma vez que esta tecnologia chama a atenção. A realidade virtual ainda é nova o suficiente para ser inovadora, ajudando sua marca a se destacar da concorrência.
  • Atraia o boca a boca. Quer você hospede demonstrações de produtos virtuais ou filtros de mídia social, a RV aumenta efetivamente o boca a boca. Seus clientes não apenas compartilharão sua RV com familiares e amigos, mas também se sentirão mais compelidos a publicá-la nas redes sociais.
  • Compras convenientes. Comprar via VR é mais eficiente do que correr até a loja, o que o torna mais popular entre os consumidores. Quando um comprador vê um item que deseja, tudo o que precisa fazer é comprá-lo digitalmente e assinar o dispositivo de compras VR.
  • Cria uma experiência memorável para o cliente. Embora as compras online sejam convenientes, elas eliminam a experiência de visitar uma loja. A VR oferece aos seus clientes a mesma experiência online personalizada, tornando sua loja mais memorável.
  • Aumenta a confiança na compra. As ferramentas de teste de VR imitam a experiência de compra do mundo real. Os clientes terão uma visão mais precisa dos seus itens, confiando menos em imagens e descrições.
  • Maximize as vendas. A realidade virtual pode melhorar a experiência do cliente e dar aos vendedores uma vantagem competitiva. A VR também é uma tática de marketing inovadora, atraindo clientes novos e existentes a visitar sua loja online.

 

Como os vendedores podem usar a realidade virtual no comércio eletrônico

 

A realidade virtual tornou-se uma das tecnologias mais inovadoras, especialmente no comércio eletrônico. Dito isso, é difícil saber como usar a RV no seu negócio. Aqui estão algumas maneiras pelas quais a RV pode melhorar a experiência do cliente e converter leads no comércio eletrônico.

 

Manuais de instruções

 

Como a VR é mais envolvente do que os manuais tradicionais, esta é a melhor tecnologia para produtos complexos. Quando seus consumidores estiverem imersos no processo de instruções, eles aprenderão sobre seu produto com mais rapidez e poderão aplicar todos os recursos e funções durante o primeiro uso.

 

Lojas virtuais

 

Se você deseja oferecer aos seus clientes a experiência na loja online, ofereça uma loja virtual com tecnologia VR. Com uma vitrine de realidade virtual, seus clientes podem navegar pelos corredores, vasculhar as prateleiras de roupas e ver os itens nas prateleiras. 

Se sua tecnologia estiver no Meta, seus clientes e seus amigos (como avatares) poderão fazer compras juntos.

mulher usando fone de ouvido VR

Testes

 

Um dos benefícios de comprar em uma loja física é poder experimentar ou testar produtos – algo que não era uma opção para compras online. A VR pode combinar essas duas linhas, oferecendo aos clientes uma forma digitalizada de experimentar os itens. Embora exemplos desta tecnologia sejam tecnicamente AR, os consumidores ainda podem usar a tecnologia para testar produtos antes de comprá-los.

Há muitas maneiras pelas quais as lojas de comércio eletrônico podem implementar essa tecnologia. Se você vende itens de decoração para casa, pode usar AR em seu aplicativo para ver como determinados produtos ficarão nas casas de seus consumidores. 

Se você vende maquiagem, pode usar filtros para que seus clientes vejam como os diferentes produtos podem ficar neles. As marcas de roupas podem usar esses mesmos filtros para que os clientes possam “experimentar” diferentes roupas, sapatos e acessórios. 

 

Filtros de mídia social

 

Muitos filtros de mídia social, como o Snapchat, permitem que as empresas publiquem filtros de marca. Os filtros podem ser usados ​​para diversão ou para promover sua empresa. Embora esta tecnologia seja tecnicamente considerada AR, ela ainda aumentará o reconhecimento da marca e o envolvimento do público.

Quais são algumas ideias de filtros de mídia social para o seu negócio de comércio eletrônico? Você pode usar um filtro para mostrar um novo produto e qualquer efeito que dê à sua marca um fator “uau”.

Conteúdo relacionado: Mídia social para comércio eletrônico

 

Eventos ao vivo

 

A realidade virtual mudou a indústria de eventos durante a pandemia. As multidões não podiam mais se reunir e a RV colocava os usuários em uma situação em que ainda podiam participar de um evento em um ambiente virtual.

Mesmo que a pandemia tenha ficado para trás, as empresas de comércio eletrônico podem hospedar diferentes eventos ao vivo com tecnologia VR. As lojas pop-up são um exemplo perfeito; os clientes podem usar seus avatares para participar do evento e você pode construir uma comunidade entre seus consumidores.

 

Como será o futuro da realidade virtual no comércio eletrônico

 

É difícil prever o futuro da RV no comércio eletrônico. Embora as perspectivas sejam positivas, esta tecnologia ainda é nova. 

Muitas lojas online não investiram pesadamente nisso – a maior parte dos adaptadores VR são grandes varejistas, como Lowe. Embora a RV seja muito promissora, é difícil avaliar o fator de competitividade até que mais pequenas e médias empresas de comércio eletrônico invistam nesta tecnologia.

Dito isto, não há como negar que a RV leva a experiência de compra online a um nível diferente. Quer as marcas queiram replicar o processo de compra na loja ou usá-lo para promover um produto, a VR leva o branding, o marketing e a publicidade um passo adiante.

 

Envolva os clientes com realidade virtual no comércio eletrônico

 

A realidade virtual não é mais um conceito inovador na ficção científica. A VR está ao nosso redor e muitas empresas usam essa tecnologia para aumentar o conhecimento da marca e converter leads. Embora a realidade virtual e a realidade aumentada sejam frequentemente utilizadas de forma intercambiável, ambas podem tornar o seu negócio mais inovador e competitivo.

Existem muitos exemplos de realidade virtual no comércio eletrônico. Manuais de instruções, lojas virtuais, testes, filtros de mídia social e eventos ao vivo são apenas algumas maneiras pelas quais as lojas de comércio eletrônico podem usar a RV.

A realidade virtual não é a única maneira de desbloquear todo o seu potencial. Ao confiar nos especialistas em comércio eletrônico da AMZ Advisers, você obtém uma equipe dedicada para auxiliar em marketing, publicidade, gerenciamento de estoque, pesquisa de concorrentes e muito mais.

Clique aqui para saber mais sobre nossos serviços.

 

Autor

Stéphanie Jensen
Stéphanie Jensen

Stéphanie Jensen escreve conteúdo de comércio eletrônico há sete anos e sua cópia ajudou várias lojas a se classificarem na Amazon. Siga-a no LinkedIn para obter mais informações sobre redação freelance e criação de conteúdo de alta qualidade.

Compartilhe a postagem:

Quer lançar, crescer ou lucrar na Amazon?

Fale com um membro da nossa equipe hoje para ver como podemos ajudá-lo!

Mais postagens

Aprenda o que você precisa para se tornar um vendedor Top 1%